Pabllo Vittar, após explicar a escolha do seu nome artístico no masculino, falou sobre a sua identidade de gênero. À revista “Glamour”, a cantora, solteira por dificuldade em encontrar um namorado, descartou cirurgia de redesignação sexual. “Não sou trans! Não quero mexer no meu corpo, fazer cirurgias… Sou feliz como sou”, afirmou ela, esclarecendo que se relaciona com homens: “Sou um menino gay, que faz drag e se relaciona com homens gays.”

Questionada se acredita nas denominações de gênero tradicionais, Pabllo, adepta de peças ousadas e looks cavados, respondeu: “Não acredito, não! Acredito que a pessoa tem que ser o que ela quiser, independente de ser homem, mulher, os dois ou não ter gênero algum. Muita gente questiona minha identidade de gênero, acho que por conta do meu drag ser superfeminino, sabe? Eu realmente me esforço para me parecer com uma garota. Aí, já viu, né?! As pessoas pensam que estou passando por transições cirúrgicas…”. Sobre qual pronome prefere que as pessoas utilizem, ela foi categórica: “Juro que não tenho ‘grilos’ com isso, não! Mas, obviamente, quando estou montada, prefiro ser chamada de ‘a’ Pabllo. São horas no make, né?!?.”

(Purepeople)